Avançar para o conteúdo principal

Entregues à bicharada...


Estou a marimbar-me para o banco alemão que emprestou dinheiro a Portugal nas condições em que emprestou. Estou a marimbar-me que nos chamem irresponsáveis. Temos uma bomba atómica que podemos usar na cara dos alemães e dos franceses. Essa bomba atómica é simplesmente não pagamos. Ou os senhores se põem finos ou não pagamos. E se não pagarmos e se lhes dissermos, as pernas dos banqueiros alemães até tremem”.

Pedro Nuno Santos, deputado do PS, Dezembro de 2011


Pois, foi o que se viu, era vê-los a tremerem que nem varas verdes.

O que mudou desde então?

Nada, apenas o facto de este senhor estar a ter uma ascensão meteórica no seio do seu partido.

E estamos nós entregues a esta bicharada.

Comentários

  1. Não se preocupe muito, Ricardo.
    Quando começarem com esse paleio nem dois berros levam do outro lado.
    Pelo contrário, encontram um muro de silêncio e a torneira fechada.
    Veja só quantas vezes o programa do PS fala em dinheiros europeus.
    Quando não vierem como é que vai ser??
    Aquele abraço

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Dixit...

Mensagens populares deste blogue

God Bless America...

Sem mais comentários!!!
Boa semana para todos.

A Cunha, o Arranjinho e o Amiguismo...

E na hora do café dá para isto ...(ler o jornal)

"(...) é crucial que todos tenhamos consciência — a começar pelo ministro das Finanças — de que o país necessita de estabelecer rapidamente um ring-fencing absoluto entre a política e o futebol.
A razão é óbvia: existe uma altíssima probabilidade de os negócios da bola envolverem dinheiro sujo e operações ilegais.

Qualquer pessoa que acompanhe o futebol português com um módico de atenção sabe que nem Luís Filipe Vieira, nem Bruno de Carvalho, nem Pinto de Costa são personagens recomendáveis. As instituições a que presidem merecem todo o respeito institucional, mas as suspeitas que recaem, ou recaíram, sobre eles deveriam obrigar todos os políticos eleitos a manterem-se à distância.
(...) Luís Filipe Vieira recebe zero euros de ordenado do Benfica, cargo que ocupa há 14 anos. A sua justificação: “O lugar de presidente do Benfica não é um cargo, mas sim uma missão que deve ser desempenhada em regime de voluntariado.” Explicação linda —…