A cara da mediocridade (futebolística)...


As declarações de Vítor Pereira são de uma infelicidade que patenteiam à exaustão aquilo que é, ou seja, UM MEDÍOCRE.

Com efeito, e ressalvando que não vi o jogo, o FC Porto poderá queixar-se de 2/3 erros de arbitragem, mas não poderá queixar-se da inércia (dentro e fora do terreno de jogo) e de ter contratado para esta temporada "artistas de 3ª categoria", gente sem categoria para envergar a camisola de clubes do top 5 português, com excepção do Sporting.





O FC Porto terá que encontrar outros argumentos, que não os de ontem, para justificar a eliminação na Taça, a Liga dos Campeões por um canudo, o Campeonato difícil, enfim, com o discurso "barato" de que o Benfica está sendo "levado ao colo" (o que não é verdade)! 


Deve ser o galo que tem entalado na garganta que o faz falar assim.

Comentários

  1. De facto, o 'casting' de Pinto da Costa foi, está a ser, um 'flop'.

    Há quanto tempo não se vê um FCP jogar com eficácia?

    No jogo de Barcelos, pode o FCP queixar-se de uma arbitragem com erros.
    Mas não é por aí que devem entrar.

    Arrumar a casa, isso sim.

    ResponderEliminar
  2. Futebulêz?
    Outra vez?

    Deixe lá andar, uns a perder outros a ganhar...

    ResponderEliminar
  3. António,

    concordo com o que diz.

    Abraço

    ResponderEliminar
  4. Rogério,

    estou com muito trabalho para me debruçar sobre temas, realmente, sérios.

    Abraço

    ResponderEliminar
  5. Voltou o Lucho (para mandar no Vítor Pereira), contraram o "pinheiro", mas este continua lá.
    Será que chega?
    Dúvidas, muitas!!!
    Abraço

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Dixit...

Mensagens populares deste blogue

CARTA ABERTA AO JEROEN DIJLESBOING (ou lá como é...)

Deus cria a mãe